SPONSORS:

A Go Plan ajuda o cliente a resolver seus problemas com um serviço de assistência pessoal remota

- 11 de agosto de 2017
go_plan

Nome:
Go Plan

O que faz:
A startup oferece um serviço de assistência pessoal e empresarial remota para o dia a dia.

Que problema resolve:
Segundo as fundadoras, o objetivo é liberar mais tempo para que as pessoas possam “se dedicar ao que faz sentido” na vida.

O que a torna especial:
O cliente faz as solicitações online (envio de encomendas, contratação ou cancelamento de serviços e cotações), envia digitalmente os documentos necessários e depois recebe uma mensagem do problema resolvido.

Modelo de negócio:
A Go Plan lucra com a assinatura do serviço para pessoas físicas e microempresas.

Fundação:
Janeiro de 2017.

Sócios:
Tatiana Flores — Cofundadora
Izabela Correa — Cofundadora

Perfil dos fundadores:

Tatiana Flores — 31 anos, Santos (SP) — é formada em Administração de Empresas pela Universidade Católica de Santos e em Logística pela FATEC. Trabalhou com gestão de qualidade na Construcap.

Izabela Correa— 30 anos, Santos (SP) — é formada em Administração de Empresas pela Universidade Monte Serrat. Trabalhou com coordenação de processos administrativos de filiais na Nautica Tintas e foi sócia da franquia SPA das Sobrancelhas.

Como surgiu:
A ideia veio durante a licença maternidade da sócia Tatiana, ocasião em que percebeu que as pessoas não tinham tempo de resolver os problemas do dia a dia e acabavam pedindo favores para amigos e familiares.

Estágio atual:
O serviço conta com 22 clientes ativos e mais de 100 cadastrados.

Aceleração:
A startup faz parte do programa de aceleração da B2Mamy.

Investimento recebido:
Foram investidos 10 mil reais pelas fundadoras.

Necessidade de investimento:
As sócias planejam buscar investimento a partir do ano que vem.

Mercado e concorrentes:
As empreendedoras acreditam que as pessoas ainda estão conhecendo esse novo conceito de assistência remota. Como concorrentes apontam assistentes e secretárias remotas que trabalham de forma individual.

Maiores desafios:
“Transmitir segurança para o cliente por se tratar de um conceito novo e expandir para uma rede de assistentes em todo Brasil”, diz Tatiana.

Faturamento:
A startup ainda não fatura.

Previsão de break-even:
Janeiro de 2018.

Visão de futuro:
“Queremos ser uma rede de assistentes pessoais com franquias em cidades com maior demanda e conectadas por um sistema próprio de gerenciamento de tarefas”, afirma Tatiana.

Onde encontrar:
Site
Contato

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Mas, se você tem uma ideia e ainda não sabe como estruturá-la em uma estratégia de negócios, escreva para mentoria@projetodraft.com e conheça nosso novo serviço de Mentoria.

Veja também: