Bookshare, empréstimos de livros

- 24 de fevereiro de 2015
Logo da empresa
Logo da empresa

Nome:
Bookshare

O que faz:
Plataforma (por ora, apenas site) para que leitores cadastrem seu acervo de livros e emprestem uns aos outros. Há um sistema para eles darem notas e comentarem sobre as obras.

Que problema resolve:
A falta de acesso a livros por restrições financeiras. Com a plataforma, a startup pretende incentivar o empréstimo de livros, espalhando cultura e reduzindo gastos para os usuários.

O que o torna especial:
“Acreditamos que estamos dando um passo importante na consciência do consumo colaborativo e possibilitando o acesso de pessoas que não têm condições para comprar os livros”, diz Ismael Pereira, CEO da empresa.

Fundação:
Fundada em agosto de 2014, entrou em operação em janeiro de 2015.

Modelo de negócios:
Os empreendedores ainda estão estudando modelos de negócios. Mas consideram anunciar livros de editoras, livrarias e sebos, dentro das buscas e lucrar com publicidade comissionada.

Sócios:
Ismael Pereira (80%)
Edimar Leduc (8%)
Lucas Ribeiro (7%)
Rodolpho  Alves (3%)
Pablo Carosella (2%)

Perfil dos fundadores:

Ismael Pereira – empreendedor e idealizador do Bookshare, graduado em Administração de Empresas e sócio da Intelecto Contact Center. Tem experiência em gestão de equipes comerciais, recursos humanos e tecnologia da informação, com passagens por empresas como Condor Supercenter, Hugo Cini S/A, Employer Organização de Recursos Humanos e TLD Teledata Tecnologia em Conectividade.
Rodolpho Alves – empreendedor, bacharel em Sistemas de Informação. Tem experiência em gestão de equipes técnicas, com passagens por empresas como Services Cobranças e TLD Teledata Tecnologia em Conectividade.
Lucas Ribeiro – advogado, palestrante, consultor tributarista e empresarial há mais de dez anos. É sócio e fundador do Grupo ROIT e da EURAM Business. Além de ter cursado direito, cursou administração com ênfase em marketing, especialização em direito tributário e planejamento tributário e especialização em projeto de software. É docente do LLM em Direito Empresarial Aplicado da FIEP; especialista em CRM; tem formação practitioner em Programação Neurolinguística e em Coaching com PNL.
Edimar Leduc Peixoto Filho – advogado, especialista em Direito Empresarial Aplicado, pela FIEP (Latim Legum Magister), analista e consultor tributário (operações de tributação e contribuições federais); sócio fundador da Roit Tax Adviser (Consultoria Empresarial e Tributária), assim como do escritório de advocacia, Leduc & Ribeiro Advogados Associados.
Pablo Carosella – Advogado formado na Universidade de Buenos Aires, Argentina, com especialização em direito empresarial. Trabalhou nos últimos 9 anos em empresa líder de BPO, como Diretor de Planejamento e Operações.  Tem experiência trabalhando com EMEA, LATAM, América do Norte/Sul e Ásia.

Como surgiu:
A ideia foi concebida em meados de 2007, quando Ismael Pereira, dentro de uma livraria, percebeu que muita gente não tinha dinheiro para comprar livros e pensou num portal para compartilhamento de livros para pessoas carentes. O projeto ficou engavetado e foi retomado em agosto de 2014, com outro viés: o do consumo colaborativo.

Estágio atual:
Em operação.

Aceleração:
Buscam aceleração.

Necessidade de investimento:
Não buscam investimento.

Investimento recebido:
O investimento inicial, feito pelos sócios, soma 50 mil reais.

Mercado e concorrentes:
Afirmam que estão diretamente ligados ao mercado de livros impressos, não do digital. E consideram como concorrentes indiretos as redes sociais e canais tradicionais usados para vender livros, como Estante Virtual e Buscapé.

Maiores desafios:
Divulgar o serviço para o maior número de pessoas. E fazer com que os usuários da rede se encontrem para trocar livros.

Faturamento:
Acreditam que irão faturar 1 milhão de dólares ao ano a partir de 2016.

Previsão de break-even:
Acreditam que chegará em janeiro de 2016.

Visão de futuro:
“Revolucionar a humanidade através da leitura, ao sermos a maior fonte de compartilhamento de livros do mundo”, diz Ismael Pereira.

Onde encontrar:
Site
Facebook

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua  iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Veja também:

Quais são e como se destacam as novas editoras de livros no país

- 27 de abril de 2017
“A Bolha é uma batalha pessoal, é um projeto de vida. Para mim, o trabalho de um editor é abrir espaços”, diz Raquel Gontijo, empreendedora de um nicho de apaixonados.

Teoria das Dádivas – o novo Milagre Econômico

- 17 de abril de 2017
503 1 1
Na Academia Draft, Marina Pechlivanis vai apresentar um mundo novo: ideias,  atitudes, comportamentos e relações — entre pessoas, marcas, empresas. Venha conhecer!

1 História: a sacada de mercado, os erros e apostas de André Garcia, da Estante Virtual

- 2 de fevereiro de 2017
722 3 0
André Garcia, à frente do primeiro sebo virtual do país, detesta a palavra "sebo".

De modinha a novo paradigma: como os coworkings estão mudando a forma de se trabalhar e pensar o trabalho

- 12 de janeiro de 2017
Hora da pausa no terraço da Brain, na Avenida Paulista, um coworking que oferece espaço em diversos endereços ao assinante.

Os acertos e erros da Estante Virtual, primeiro acervo digital de livros do país, que este ano cresceu 20%

- 21 de dezembro de 2016
André Garcia, fundador da Estante Virtual: “A crise fez muita gente optar pelos livros usados”.