Este é um espaço para revisitarmos histórias já contadas no Draft e ver o que mudou, o que surgiu, o que permanece.

A Alva Brasil ganhou concorrentes, chegou a ficar sem mercadoria e diversificou o negócio para continuar de pé

- 9 de março de 2017
Em dois anos, Ananda Boschilia ganhou um novo sócio, duas filhas e tornou a Alva, uma linha de cosméticos orgânicos, mais flexível.

A Contente amadureceu seu lado offline para continuar a missão de tornar a internet mais humana

- 2 de março de 2017
Luiza Voll e Daniela Arrais expandiram a ação da Contente para o mundo offline e aprenderam que matar um projeto não é o fim do mundo.

O que fazer quando a sua startup triplica de tamanho e recebe 40 milhões de investimento? O GetNinjas responde

- 23 de fevereiro de 2017
Eduardo L'Hotellier mantém a mesma cara de menino, mas está à frente de uma empresa cada vez maior.

Em dois anos, o Mais Asas mudou de foco, de cidade, foi acelerado e pagou dívidas. Agora, está com novo fôlego

- 22 de fevereiro de 2017
Isabella Cunha e Bernard Biton, os sócios da +Asas, trocaram o Rio por São Paulo para acelerar o negócio de roteiros turísticos e focaram em clientes corporativos.

Os fundadores do Quintal da Cachaça venderam o clube para vê-lo crescer, mas não foi fácil desgarrar

- 17 de fevereiro de 2017
Depois de meses enfrentando cancelamentos e novas tarifas do mercado, Giuliana Wolf e Thiago Tavares deram adeus ao negócio que começaram do zero.

A Runrun.it conta como sobreviveu à saída de clientes e dobrou o faturamento num ano difícil

- 7 de fevereiro de 2017
Os sócios da Runrun.it, Antonio Carlos Soares, Patrick Lisbona e Franklin Valadares quebraram a cabeça para manter o crescimento da plataforma de gestão em meio à crise – e conseguiram.