Goosit, planejador de viagens

- 29 de julho de 2015
Logo da empresa.
Logo da empresa.

Nome:
Goosit.

O que faz:
Aplicativo para planejar e organizar viagens.

Que problema resolve:
Ajuda pessoas a viajarem de forma mais organizada e segura, oferecendo diversos recursos para viagem num único lugar.

O que o torna especial:
Conta com uma série de recursos para calcular rotas de transporte, ver hospedagem, locais que se deve conhecer, compartilhar histórias e fotos, controlar gastos etc. Ainda permite que dois amigos façam, de forma colaborativa, o mesmo planejamento. Por fim, o viajante pode salvar todas essas informações no aplicativo para acessá-las quando estiver offline.

Fundação:
Agosto de 2013. Em setembro de 2014 passaram a se dedicar 100% à empresa.

Modelo de negócios:
Hoje a plataforma é completamente gratuita, mas em breve deverá tornar-se freemium. Além disso, eles cobram uma comissão dos parceiros – quando alguém, de dentro da Goosit, reservar um hotel pela Booking, por exemplo, eles cobram uma taxa.

Sócios:
Paulo Renner Siqueira Alves– co-foundador.
Henrique Santana de Miranda – co-foundador.

Perfil dos fundadores:
Henrique Santana de Miranda – 28 anos, Fortaleza (CE) – trabalhou em diversas empresas de tecnologia no Brasil como programador, mudou para Holanda em 2010 para expandir o conhecimento na área de TI e aprender um novo idioma. Desde então já viajou por mais de 28 países.

Paulo Renner Siqueira Alves – 29 anos, Fortaleza (CE) – é desenvolvedor e analista JAVA formado em Ciências da Computação pela Universidade Estadual do Ceará. Tem mais de nove anos de experiência em aplicações web e mobile, com habilidades em desenvolvimento front-end. Atualmente mora em Buenos Aires e já passou por 23 países.

Como surgiu:
Em 2011, os sócios estavam planejando um mochilão pela Ásia e sentiram falta de uma ferramenta que os ajudasse a planejar a viagem. Vendo a necessidade, resolveram desenvolver a solução.

Aceleração:
Foram acelerados pelo programa português Lisbon Challenge no final de 2014.

Investimento recebido:
Recursos próprios.

Necessidade de investimento:
Procuram entre 200 mil e 400 mil euros.

Mercado e concorrentes:
Consideram que têm concorrentes, como a Planedia e Tripomatic. Mas afirmam que sua plataforma é mais completa que dos outros.

Maiores desafios:
Trabalhar a área de marketing e conquistar novos usuários.

Faturamento:
Não informado.

Previsão de break-even:
Não informado.

Visão de futuro:
“Queremos que, quando você estiver viajando, as pessoas se perguntem ‘como conseguíamos planejar uma viagem sem a Goosit?’”, diz Henrique Miranda, co-fundador da empresa.

Onde encontrar:
Site
Contato

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Veja também: