O Qual Farmácia ajuda a encontrar ofertas de medicamentos em Brasília

- 24 de julho de 2017
qual_farmacia

Nome:
Qual Farmácia

O que faz:
É um aplicativo que mostra qual farmácia tem o produto com o menor preço e tempo de entrega em Brasília.

Que problema resolve:
O Qual Farmácia ajuda os usuários a encontrarem a melhor oferta sem sair de casa.

O que a torna especial:
O aplicativo é gratuito e, segundo os fundadores, ranqueia sempre o preço mais baixo, além de divulgar informações sobre qualidade de vida.

Modelo de negócio:
É cobrada uma taxa dos estabelecimentos cadastrados de 2 a 6 %, caso a venda seja realizada.

Fundação:
Dezembro de 2015.

Sócios:
Leonardo Soares —  CEO
Sérgio Bergmann — Cofundador e desenvolvedor
Lucas Bruno — Cofundador e desenvolvedor

Perfil dos fundadores:

Leonardo Soares — 55 anos, Santos Dumont (MG) — é formado em Análise de Sistemas pela PUC-Brasília, com MBA Executivo em Marketing pela ESPM. Foi gerente de auditoria do Banco do Brasil e diretor de negócios da GAS Tecnologia.

Sérgio Bergmann — 27 anos, Brasília (DF) é formado em Engenharia da Computação e tem especialização em Gestão Empresarial pelo Centro Universitário de Brasília. Trabalha no Banco do Brasil com desenvolvimento web e plataformas móveis.

Lucas Bruno — 26 anos, Brasília (DF) — é formado em Engenharia da Computação pelo Centro Universitário de Brasília. Trabalhou com desenvolvimento de softwares na SSI e GAS Tecnologia.

Como surgiu:
O Qual Farmácia surgiu de uma necessidade de um dos sócios, o Lucas. Após sair de uma consulta médica sentindo muita dor e precisar comprar um medicamento, ele não estava disposto a visitar várias farmácias para pesquisar preços. Neste momento, teve a ideia do aplicativo e convidou Leonardo e Sérgio para o seu desenvolvimento.

Estágio atual:
O app conta com uma equipe de 13 pessoas para atender a demanda dos 30 mil usuários cadastrados.

Aceleração:
Não teve.

Investimento recebido:
Foram investidos 350 mil reais pelo CEO.

Necessidade de investimento:
Os fundadores buscam um investimento de 3 milhões de reais para expandir o negócio para outros estados.

Mercado e concorrentes:
De acordo com os sócios, o Qual Farmácia tem um cenário econômico favorável, “já que as pessoas precisam economizar o máximo possível”. Existem aplicativos com serviços semelhantes no mercado como o My Pharma e o Farmácias APP.

Maiores desafios:
“Validar perante os responsáveis das farmácias que o comportamento de compra do usuário está cada dia mais digital e que as lojas precisam se adaptar a este novo consumo”, afirma Leonardo.

Faturamento:
Não informado.

Previsão de break-even:
Junho de 2019.

Visão de futuro:
“Ser reconhecida pelos consumidores como a plataforma de marketplace mais simples, rápida, cômoda, conveniente e econômica do mercado. E pelos empresários de toda indústria farmacêutica, como fundamental para o desenvolvimento de seus negócios”, diz Leonardo.

Onde encontrar:
Site
Contato

 

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Mas, se você tem uma ideia e ainda não sabe como estruturá-la em uma estratégia de negócios, escreva para mentoria@projetodraft.com e conheça nosso novo serviço de Mentoria.

Veja também: