Os números do Polo Automotivo Jeep, que turbina a economia pernambucana com robôs e mão de obra local

- 26 de maio de 2017
A fábrica: mais de 500 mil metros quadrados e flexibilidade para realizar a manufatura de quatro modelos ao mesmo tempo
A fábrica: mais de 500 mil metros quadrados e flexibilidade para realizar a manufatura de quatro modelos ao mesmo tempo

 

A mais moderna planta da Fiat Chrysler Automobiles (FCA) do mundo, o Polo Automotivo Jeep em Goiana (PE), completou dois anos de operação no último dia 28 de abril, uma sexta-feira. Nesse curto espaço de tempo, o empreendimento foi responsável por produzir três modelos novos em apenas 18 meses de funcionamento, consolidando a liderança da marca no mercado nacional de SUVs. O primeiro lançamento foi o Jeep Renegade, seguido da picape Fiat Toro e, mais recentemente, pelo Jeep Compass. Eles são fabricados de forma simultânea na linha, que ainda teria flexibilidade de realizar a manufatura de um quarto modelo ao mesmo tempo.

Porém, os feitos do Polo Jeep ultrapassam os limites de sua imensa estrutura, que ocupa mais de 500 mil metros quadrados. A planta se distingue como um catalisador do desenvolvimento do pequeno município de Goiana, onde, até então, a economia era baseada no cultivo da cana-de- açúcar. Em dois anos de operações, a oferta de emprego qualificado e os negócios trazidos pelo parque de fornecedores mudaram drasticamente o cenário social e econômico da região. Para se ter ideia, atualmente, o Polo, incluindo o Parque de Fornecedores, emprega cerca de oito mil profissionais, a maior parte mão de obra local e com idade média de 29 anos. Até 2020, a produção deve representar 6,5% do Produto Interno Bruto (PIB) de todo o estado de Pernambuco.

O alto padrão de qualidade também credencia a fábrica para competir em mercados internacionais. A planta já exportou mais 30 mil unidades dos modelos para vários países da América Latina, como Argentina e Uruguai. Neste mês, a unidade começou a enviar o Jeep Renegade para o México.

Com capacidade para produzir 250 mil veículos por ano, o Polo Automotivo Jeep também incorpora mais de 15 mil práticas do sistema World Class Manufacturing (WCM), o sistema de processos e melhores práticas adotado mundialmente pela FCA. A linha de produção utiliza tecnologias inovadoras, com 700 robôs e maquinário de alta precisão. Só na Funilaria, 650 robôs garantem a geometria perfeita da carroceria dos veículos produzidos. As máquinas se integram de forma harmoniosa à atuação da equipe de funcionários altamente capacitada.

Toda essa eficiência está a serviço da sustentabilidade. A planta foi concebida respeitando conceitos de baixo impacto ambiental e de conservação da Mata Atlântica, típica da região, a partir do replantio de espécies nativas. Mais de 60 mil mudas de 289 de espécies diferentes, produzidas no viveiro do Polo, já foram plantadas. Além disso, a empresa mantém parcerias com iniciativas que buscam contribuir para a educação, saúde e promoção da cultura.

Quer saber mais sobre o Polo Automotivo Jeep Goiana? Confira alguns números e marcos no infográfico abaixo:

 

Infográfico-FCA-v006

 

Esta matéria pode ser encontrada no Mundo FCA, um portal para quem se interessa por tecnologia, mobilidade, sustentabilidade, lifestyle e o universo da indústria automotiva.

banner-1

Veja também: