SPONSORS:

Seleção Draft – Empreenda contra a maré

- 7 de julho de 2017
Arriscar é sempre necessário para empreender. Não há caminho proibido. (Imagem: jonathan anaclet - Flickr/ Reprodução)
Arriscar é sempre necessário para empreender. Não há caminho proibido. (Imagem: jonathan anaclet - Flickr/ Reprodução)

Empreenda contra a maré
No empreendedorismo, arriscar faz parte do jogo. O artigo da consultoria The Oracles, no Medium, conta história de fundadores que tomaram caminhos pouco convencionais para venderem as suas ideias. Desafiar o público-alvo, demonstrar coragem na hora de apresentar seu projeto, buscar conhecimento por conta própria, evidenciar o seu produto e enfrentar os seus maiores medos como empreendedor estão entre as habilidades destacadas no texto. Leia mais no link acima.

 

Hardware com propósito
Criar um novo produto de hardware pode ser mais desafiador do que desenvolver plataformas web ou mobile. Mas não faltam engenheiros com bons propósitos. A Fast Company apresenta as três startups que venceram o American Society of Mechanical Engineers Innovation Showcase – um concurso que premia tecnologias disruptivas com propósito social. Entre as ganhadoras está a BioLite, criadora de um fogão que reduz em 90% a emissão de fumaça e exige 50% menos combustível do que um aparelho comum.

 

Eu Progr{amo}
Acabam neste domingo, 9 de julho, as inscrições para a terceira edição do curso Eu Progr{amo}, da PrograMaria, voltado para mulheres ou pessoas que se identificam com o gênero feminino e possuem pouco ou nenhum conhecimento sobre as linguagens abordadas. As 12 aulas acontecem de terça e quinta-feira, a partir do dia 8 de agosto, em São Paulo. O investimento é de 360 reais. As inscrições podem ser feitas no link acima.

WHOW! Festival de Inovação
A primeira edição do WHOW! Festival de Inovação em São Paulo, evento que vai reunir empresas e palestrantes em workshops, sessões de experiência e debates, acontece nos dias 25, 26 e 27 de julho. Entre os temas abordados estão inteligência artificial, mobilidade urbana, wearables, economia criativa e impacto social. Os ingressos, que vão de 250 a 1 199 reais, estão à venda pelo link acima.

Veja também:

Como a Bolha usa a tecnologia para criar “experiências memoráveis” na publicidade – e fora dela

- 1 de agosto de 2017
Nagib Nassif Filho na Bolha: o estúdio tem 12 makers e um lab de software e hardware para desenvolver projetos únicos.