SPONSORS:

Seleção Draft – Sem broncas

- 29 de setembro de 2017
Nada de broncas: celebre os pequenos erros (Imagem: Alicia Kowalski-Flickr/Reprodução).
Nada de broncas: celebre os pequenos erros (Imagem: Alicia Kowalski-Flickr/Reprodução).

Sem broncas
O Inc. (link acima) conta como Sara Blakely, fundadora da Spanx (empresa de lingerie), conseguiu que seu negócio faturasse 10 milhões de dólares no segundo ano de operação. Ela afirma que as conquistas são resultado do que aprendeu quando criança — e essa história não tem nada a ver com sucesso. Ao final de toda semana, seu pai lhe perguntava quais tinham sido seus erros e não suas vitórias. Quando a filha apontava as falhas, ele respondia com um “high five”, incentivando-a a tirar aprendizados delas. Sara diz que a reação positiva do pai lhe ensinou a importância de seguir em frente, buscando sempre melhorias apesar dos tropeços.

 

Tire o melhor da aceleração
Participar de um programa de aceleração é uma grande oportunidade para uma startup alavancar suas ideias, mas não faz milagre. Apesar de mostrarem um passo a passo, a evolução do negócio vai depender exclusivamente do empenho do empreendedor, diz Ash Rust, sócio do fundo de investimento Sterling Road, no Hackernoon. No texto (link acima), ele dá quatro sugestões de como aproveitar ao máximo o período de aceleração:

1) Envolva os outros participantes em seu projeto, peça opiniões e dê feedbacks;
2) Tente conversar com o maior número de mentores antes de escolher o seu;
3) Não falte aos eventos promovidos pela aceleradora;
4) Deixe para captar fundos mais próximo do Demo Day, quando sua ideia já estiver sólida.

 

Como deixar uma marca
O sonho da maioria dos fundadores é mudar o mundo com as soluções de suas startups. Mas, em um ecossistema extremamente competitivo, como deixar uma marca? No e27, Leo e Elaine de Velez, cofundadores da FrontLearners, negócio social na área de educação, apresentam possíveis respostas para essa pergunta. Eles instigam o empreendedor a se questionar por que quer resolver determinado problema antes de começar a pensar nas soluções. Os dois também indicam pesquisar se o mercado está preparado para sua proposta e buscar, constantemente, novas tecnologias para causar impacto positivo. Para ler mais, acesse o link acima.

 

Conversas de Impacto
A Vox Capital realiza na próxima quarta-feira (4), em São Paulo, o Conversas de Impacto. A 13ª edição do encontro vai refletir sobre os desafios da equidade de gênero nos negócios e os benefícios de uma atuação inclusiva. Os convidados para o bate-papo são: Adriana Carvalho, da ONU Mulheres, Guilherme Valadares, do Papo de Homem, Laís Trajano, da Avante, e Renata Moraes, da Impulso Beta. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no link acima.

Veja também: