SPONSORS:

A 818 ajuda o cliente a economizar com o uso da energia solar

- 14 de agosto de 2017

Nome:
818 Energia Solar

O que faz:
É um negócio que projeta e instala equipamentos para a produção de energia solar em empresas e residências.

Que problema resolve:
Segundo os fundadores, a startup oferece independência energética e economia de até 95% no valor da conta através de uma fonte limpa e renovável de energia.

O que a torna especial:
A 818 conta com um sistema de subsídio cruzado que faz com que a venda de equipamentos para empresas e residências subsidie a instalação de outros em comunidades vulneráveis. A empresa também capacita as pessoas do local para que se tornem responsáveis pela instalação e manutenção do sistema.

Modelo de negócio:
O negócio lucra com os serviços customizados oferecidos, como design, instalação, homologação, manutenção e monitoramento dos sistemas solares fotovoltaicos.

Fundação:
Janeiro de 2017.

Sócios:
Fernando Senna — Operacional & Estratégico
Débora Spada — Comercial & Marketing

Perfil dos fundadores:

Fernando Senna — 26 anos, Rio de Janeiro (RJ) — é formado em Engenharia Química na Universidade Federal Fluminense, com mestrado em Energia, Meio ambiente e Economia no Illinois Institute of Technology, em Chicago. É membro do Conselho Mundial de Energia e tem passagem por empresas do ramo solar, indústria e centros de inovação, como Braskem e San Diego Energy Solutions.

Débora Spada — 23 anos, Rio de Janeiro (RJ) — é formada em Design pela Universidade Candido Mendes, com especialização em Marketing Digital pela ESPM. Trabalhou na Agrosul.

Como surgiu:
A empresa surgiu como ideia no final de 2015, mas foi materializada durante o Desafio Solar, promovido pelo Greenpeace em 2016. Na ocasião, os sócios saíram como um dos vencedores do processo e tiveram a oportunidade de entender o problema mais a fundo, pensar o modelo de negócio e propor uma solução funcional.

Estágio atual:
A startup tem sede no Rio de Janeiro, quatro colaboradores e já realizou cerca de 150 projetos.

Aceleração:
A 818 foi acelerada pela Oi Futuro em parceria com a Yunus Negócios Sociais e recebeu mentoria e capacitação do Sebrae/SC em conjunto com a Semente Negócios.

Investimento recebido:
Foram investidos 60 mil reais pelos fundadores.

Necessidade de investimento:
Os sócios planejam buscar investimento para facilitar os meios de pagamento do serviço ainda em 2017.

Mercado e concorrentes:
“O mercado de energia solar vem crescendo de maneira exponencial nos últimos três anos por conta das flexibilizações nas regras do setor e pela insatisfação dos consumidores”, diz Fernando. Alguns dos concorrentes da startup são a  Solos Energia Solar, Potenza Energia Solar e NeoSolar.

Maiores desafios:
“Temos o grande desafio de criar uma cultura de racionalidade no consumo, bem como o de conscientizar as pessoas sobre o grande potencial que a energia solar tem de ajudar o país, além conquistar a confiança das pessoas”, afirma o sócio.

Faturamento:
Não informado.

Previsão de break-even:
Abril de 2018.

Visão de futuro:
“Queremos ser a maior empresa de energia do Brasil, participando ativamente na vanguarda do movimento de transformação, servindo de referência e inspiração para outras iniciativas que levem o país na direção de um futuro mais justo e sustentável”, diz Fernando.

Onde encontrar:
Site
Contato

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Mas, se você tem uma ideia e ainda não sabe como estruturá-la em uma estratégia de negócios, escreva para mentoria@projetodraft.com e conheça nosso novo serviço de Mentoria.

Veja também:

Pioneira em plantas fotovoltaicas de grande porte, a GD Solar atrai empresas de olho em energia sustentável

- 1 de abril de 2019

Quando o sol é a base de uma empresa: conheça a Solar21

- 3 de outubro de 2018

Que tal comprar créditos de energia solar e ganhar desconto na conta de luz? Conheça a CartãoSolar

- 26 de março de 2018
Alex, Silmar e Marco, os sócios da Cartão Solar, que surgiu em 2016 como a primeira startup brasileira a vender créditos de energia solar que se revertem em desconto na conta de luz.

Como a Solstar quer tornar mais simples produzir energia solar, em casa, no Brasil

- 13 de fevereiro de 2018
7072 8 0