SPONSORS:

A Affinibox desenvolve clubes de vantagens personalizados para empresas

- 31 de agosto de 2018

Nome:
Affinibox.

O que faz:
Desenvolve clubes de vantagens para empresas.

Que problema resolve:
Engajamento de funcionários e fidelização de clientes com descontos e benefícios.

O que a torna especial:
Segundo os fundadores, a startup trabalha com a personalização de cada clube, com a curadoria de parceiros que façam sentido para o perfil de cada um.

Modelo de negócio:
A Affinibox funciona no modelo SaaS e cobra a partir de 799 reais mensais.

Fundação:
Julho de 2016.

Sócios:
Eduardo Pitombeira— Fundador
Vinicius Jorge — Cofundador

Perfil do fundador:

Eduardo Pitombeira — 40 anos, São Paulo (SP) — é formado em Direito pela USP. Trabalhou no Grupo Argo.

Vinicius Jorge  32 anos, São Paulo (SP) é formado em Direito pela FMU. Trabalhou na Zurich Seguros.

Como surgiu:
Os sócios contam que a Affinibox surgiu como um projeto dentro do Grupo Argo com o intuito de aumentar as vendas para um público segmentado. Porém, notou-se que a ideia poderia ir além do escopo da companhia de seguros e a seguradora criou uma spin-off para tocar o negócio.

Estágio atual:
A startup conta com 37 clientes e cerca de 500 mil usuários cadastrados na plataforma.

Aceleração:
Não teve.

Investimento recebido:
Os sócios receberam um investimento Seed de 3 milhões de dólares do Grupo Argo.

Necessidade de investimento:
No momento, os empreendedores não buscam aporte.

Mercado e concorrentes:
“O mercado de fidelidade tem muito a crescer no Brasil quando comparamos com outros países mais desenvolvidos. Produtos tradicionais, como pontos de cartão de crédito e milhas de viagem, estão muito concentrados em grandes grupos e já não geram o mesmo engajamento que possuíam antes”, fala Eduardo. Ele cita como concorrentes a Allya, a GOIntegro e o Convenia.

Maiores desafios:
“Como qualquer empresa ou pessoa que empreende no Brasil, o maior desafio é o tempo. Tecnologia é um negócio de capital intensivo, pois exige pessoas capacitadas para trabalhar, porém o resultado de um negócio nem sempre acompanha a velocidade dos gastos”, afirma Vinicius.

Faturamento:
Não informado.

Previsão de break-even:
2020.

Visão de futuro:
“Criar experiências incríveis para nossos clientes, aumentando o engajamento junto ao público-alvo”, dizem os sócios.

Onde encontrar:
Site
Contato

 

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Veja também:

Liuv, a fintech que olhou para os pequenos e médios restaurantes para se destacar no mercado

- 27 de setembro de 2018
7085 4 0

Verbete Draft: o que é Inbound Marketing

- 23 de março de 2016
3939 0 0