SPONSORS:

A Eats for You conecta pessoas que gostam de cozinhar a quem busca comida caseira

- 3 de setembro de 2018

Nome:
Eats for You.

O que faz:
Conecta donas (os) de casa que gostam de cozinhar a pessoas que queiram comprar comida.

Que problema resolve:
Para quem compra, a ideia é reduzir o alto custo de almoçar fora que, de acordo com os fundadores, chega a ser de 750 reais mês. Para quem produz as refeições, a proposta é ser uma forma de geração de renda em meio à crise econômica.

O que a torna especial:
Segundo os sócios, além de promover a geração de uma renda extra de até 6 mil reais por mês para quem cozinha, a startup oferece uma alimentação mais saborosa, saudável e com preço justo para o trabalhador.

Modelo de negócio:
A Eats for You lucra com uma taxa de 13% sobre cada venda efetivada pela plataforma.

Fundação:
Setembro de 2017.

Sócios:
Nelson Andreatta — CEO
Ester Scheffer — CFO

Perfil dos fundadores:

Nelson Andreatta — 38 anos, Jataí (GO) — é formado em Publicidade e Propaganda pelo Centro Universitário Cândido Rondon, com especialização na mesma área pela ESPM. É fundador da QBrand.

Ester Scheffer — 59 anos, União da Vitória (PR) é formada em Contabilidade pela Unioeste, com especializações  em Finanças Empresariais e Controladoria pela UFPR e pela UNIC. Trabalhou no Grupo Pão de Açúcar e como fiscal de tributos do Estado do Mato Grosso.

Como surgiu:
Nelson fala que sempre trabalhou fora de casa e chegou um momento em que não aguentava mais comer comida de restaurante todos os dias. “Os preços eram altos, as opções eram as mesmas e não conseguia encontrar uma refeição mais saudável”, diz. Ele conta que, um dia, olhando pela janela do escritório viu quantas casas e prédios residenciais tinham no entorno do centro empresarial e imaginou quantas donas e donos de casa estavam terminando de fazer um almoço “gostoso”, pois diz que sentia o cheiro no hall do elevador. A partir dessa ideia, iniciou a etapa de pesquisa, testes de aderência e processo de planejamento. Nelson ainda afirma que, quando a proposta ainda estava no PPT, teve a oportunidade de apresentar o projeto para a Alelo, bandeira especializada em benefícios.

Estágio atual:
A startup está sediada no Co.W Coworking, na região da Berrini, em São Paulo, com seis colaboradores em tempo integral e quatro em tempo parcial. Por enquanto, a Eats for You atua apenas na região de Alphaville e já conta com mais de 450 donas e donos de casa cadastrados, mais de 5 mil downloads do app e 10 mil marmitas vendidas.

Aceleração:
A empresa foi selecionada para o Alimentação Lab da Artemisia e para um programa da Fundação Cargill, mas ainda não começou os processos de aceleração.

Investimento recebido:
Os sócios contaram com investimento friends and family e fizeram aportes com recursos próprios, totalizando 500 mil reais.

Necessidade de investimento:
Os empreendedores estão abrindo uma nova rodada com o intuito de captar 1 milhão de reais para a expansão da empresa.

Mercado e concorrentes:
“De acordo com a pesquisa Food Service Brasil 2016, o mercado de food service movimenta 48 bilhões de reais ao ano apenas na hora do almoço no país”, diz Nelson. Ele afirma que o foco das principais startups está em comidas gourmet, produzidas por chefs de cozinha. “Já a Eats for You é um projeto de alto impacto social nas duas pontas em que atua, gerando renda e oferecendo ‘comfort food‘, marmitas de comida caseira.”

Maiores desafios:
“Testar a escalabilidade, trabalhando de mitigar riscos. Acreditamos que mapeamos os principais gaps e como solucioná-los, mas apenas na prática é possível conhecer os desafios da rotina”, fala o CEO.

Faturamento:
160 mil reais (nos primeiros seis meses de operação).

Previsão de break-even:
Novembro de 2019.

Visão de futuro:
“Acreditamos que temos um negócio de alto impacto social, lucrativo e escalável. Planejamos uma operação nacional nos próximos dois anos e enxergamos uma companhia global em cinco anos”, conta Nelson.

Onde encontrar:
Site
Contato

 

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Veja também:

Ao descobrir que o público de suas marmitas não era apenas vegano, a Beleaf precisou se readaptar

- 27 de agosto de 2018

Depois do sonho realizado, o Kitanda Brasil deixou Minas Gerais para servir comida caseira em São Paulo

- 25 de julho de 2018
5886 2 0
Tanea Romão viveu o desejo de ter um restaurante nas montanhas... Aí, passou. Agora, ela conta como decidiu voltar à capital paulista e, em novo cenário, reconstruir seu propósito de vida.

A 2goBag, que faz marmitas fashion, levou um baque em 2016, mas manteve-se em pé. Agora, quer expandir

- 20 de dezembro de 2016
2587 0 0
Karlos e Gabi, em frente à 2goBag. "Marmitar não é cafona", título da reportagem do Draft de 2015, virou frase na vitrine.

Marmitar não é cafona: conheça a 2goBag, empresa que transformou bolsas térmicas em acessórios cool

- 30 de dezembro de 2015
7063 4 0
Parceria entre o personal trainer Karlos Brasília e a designer Gabi Vianna, a 2goBag cria bolsas de marmita estilosas.