SPONSORS:

A OrçaAqui é uma plataforma para cotação de materiais de construção civil

- 9 de janeiro de 2019

Nome:
OrçaAqui.

O que faz:
É uma plataforma online para cotação de materiais de construção civil.

Que problema resolve:
Para os construtores, a plataforma fornece variedade de fornecedores, transparência no processo e economia de tempo e dinheiro. Para os fornecedores, é mais um canal de vendas e divulgações, além de oferecer uma análise dos dados do mercado de varejo.

O que a torna especial:
Segundo os fundadores, o diferencial do negócio é otimizar todo o processo de compra de insumos da construção civil, desde a cotação de materiais até a análise dos compras das construtoras.

Modelo de negócio:
A OrçaAqui é uma plataforma gratuita e implementará o modelo freemium no 2º semestre deste ano.

Fundação:
Junho de 2018.

Sócios:
Gabriel Novelli — CEO e cofundador
Guilherme Haendel — CFO e cofundador
Igor Ribeiro — CPO e cofundador.
Pedro Bonatte — CMO e cofundador

Perfil dos fundadores:

Gabriel Novelli — 24, Salvador (BA) — é estudante de Engenharia Civil na UFBA. Estagiou nas construtoras JSouto, Marsou e Timbre Engenharia.

Guilherme Haendel — 23, Salvador (BA) — é estudante de Engenharia Civil na UFBA. Estagiou nas empresas Lema Engenharia, Mattos Construções e Araujo Netto.

Igor Ribeiro — 25, Salvador (BA) — é estudante de Engenharia Civil na UFBA. Estagiou na Procad Projetos e Consultoria, Consórcio Mobilidade Bahia, Tenda S/A e Ambev.

Pedro Bonatte — 22, Salvador (BA) — é estudante de Engenharia Civil na UFBA. Estagiou no escritório Alberto Leal Engenharia Estrutural e na Timbre Engenharia.

Como surgiu:
Gabriel conta que, quando estagiava no setor de suprimentos de uma construtora e era responsável pela cotação
e compra dos insumos para a obra, percebeu que o processo era “extremamente arcaico e ineficiente”. A partir daí, em conversas com os amigos, que também vivenciavam dificuldades na área de orçamentos e compras na construção civil, eles decidiram criar uma startup para solucionar esse problema. Os sócios desenvolveram um MVP para validar a ideia e, em dezembro de 2018, receberam o Prêmio Arlindo Fragoso de Inovação e Tecnologia do CREA-BA.

Estágio atual:
A OrçaAqui está sediada no Hub de Inovação de Salvador. Já foram realizadas mais de 81 cotações com 20 clientes pela plataforma, que conta com 139 fornecedores ativos.

Aceleração:
Não teve.

Investimento recebido:
Os sócios tiveram investimento apenas do Prêmio Arlindo Fragoso de Inovação e Tecnologia, no valor de 15 mil reais.

Necessidade de investimento:
Os empreendedores pretendem buscar investimento, mas ainda estudam o valor.

Mercado e concorrentes:
“Acreditamos que ainda temos um grande mercado a ser explorado devido ao tamanho dos valores que a engenharia civil movimenta no país. Além disso, cada vez mais surgem pequenas empresas de construção que podem utilizar nossa plataforma”, fala Gabriel. Ele cita como concorrentes a Conaz, Coteaqui e OrçaPá.

Maiores desafios:
“Como toda inovação, a plataforma tem o desafio de aceitação do mercado. Em um meio bem conservador, teremos que provar o nosso valor para fazer construtores e fornecedores alterarem seus processos de compra e venda de materiais”, conta o CEO.

Faturamento:
Não informado.

Previsão de break-even:
Junho de 2020.

Visão de futuro:
“A empresa quer ser referência no setor de suprimentos da engenharia civil no âmbito nacional, se tornando essencial para grandes, médias e pequenas construtoras. Além disso, queremos contar com fornecedores em todo o território nacional”, afirma Gabriel.

Onde encontrar:
Site
Contato

 

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho, mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Veja também:

Com sede em Porto Alegre, a Diosa não só capacita como oferece trabalho a mulheres “pedreiras”

- 19 de setembro de 2018

Como os amapaenses da OrçaFascio criaram a maior plataforma de orçamento de obras do país

- 26 de dezembro de 2017
A equipe da OrçaFascio, em Macapá. Ao centro, de braços cruzados, os fundadores Fábio Santos e Antonio Fascio (camiseta branca).

Urban 3D: a startup que quer construir moradias usando tecnologias revolucionárias e sustentáveis

- 22 de julho de 2015
Anielle, da Urban 3D: aos 22 anos, ela atraiu investidores globais para seus projetos nada modestos de transformação social.