SPONSORS:

A Santo Contrato é uma plataforma de gestão de contratos e documentos legais

- 4 de Abril de 2018

Nome:
Santo Contrato.

O que faz:
É uma plataforma para a criação, gestão, negociação e assinatura digital de contratos e documentos jurídicos.

Que problema resolve:
De acordo com os fundadores é única plataforma brasileira de gerenciamento de contratos que permite às empresas acelerem sua produtividade por meio do controle de todo o ciclo de vida de seus documentos jurídicos.

O que a torna especial:
O sistema conecta  advogados, empresas e pessoas físicas e permite que todas as partes envolvidas na negociação editem o documento em um ambiente digital, mantendo as versões anteriores e alertando sobre prazo e anexos.

Modelo de negócio:
O negócio cobra uma assinatura mensal que varia de 49 a 449 reais por mês, dependendo do volume de documentos e do tamanho da equipe.

Fundação:
Agosto de 2016.

Sócios:
Marcelo Boff — CEO
Lucas Cunha — COO
Marcos Rodrigues — CTO

Perfil dos fundadores:

Marcelo Boff — 35 anos, Porto Alegre (RS) — é formado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Luterana do Brasil, pós-graduado em Direito pelo Instituto de Desenvolvimento Cultural e em Direito Ambiental pela Universidade Estácio de Sá. Tem MBA em Digital Product Manager pela Boston University. É professor no Senac-RS, fundador do Estúdio Legal e consultor da 100 Open Startups e Vortexchange.

Lucas Cunha — 36 anos, Porto Alegre (RS) — é formado em Engenharia Mecânica pela UFRGS e tem MBA em Gerenciamento de Projetos pela FGV. Trabalhou na GKN Driveline, DHB Componentes Automotivos e PMO Digital. É cofundador do Estúdio Legal.

Marcos Rodrigues — 30 anos, Rio de Janeiro (RJ) — é formado em Ciência da Computação pela Universidade Federal Fluminense. É consultor na Oddly Functional e professor na Le Wagon. É CTO da Tripdeo.

Como surgiu:
Marcelo fala que identificou, em sala de aula, a necessidade de um negócio que facilitasse a criação e gestão de contratos, quando ministrava a disciplina de Direito Empresarial no curso de pós-graduação em Gestão de Negócios do Senac. Após desenvolver um modelo de negócio, ele e os sócios testaram o primeiro MVP, que permitia ao usuário encontrar templates de contratos, fazer a edição de forma online e salvar em PDF. Depois, seguiram em frente com o projeto e desenvolveram uma plataforma própria para o serviço.

Estágio atual:
O negócio conta com quase 7 mil usuários cadastrados.

Aceleração:
A startup participou do programa da WOW Aceleradora.

Investimento recebido:
Os fundadores receberam 50 mil reais da aceleradora na fase pré-operacional.

Necessidade de investimento:
Buscam investimento, mas ainda estudam o valor a ser captado.

Mercado e concorrentes:
“O Brasil possui hoje cerca de um milhão de advogados e mais de 21 milhões de empresas ativas. Ambas as partes produzem e realizam contratos diariamente”, diz Marcelo. Ele aponta como concorrentes a brasileira Contraktor e as estrangeiras Docracy e Juro.

Maiores desafios:
“Fomentar o uso do sistema pela classe jurídica, que ainda utiliza modos tradicionais de gerenciamento e criação de contratos, como Excel, Word e e-mail. Além das discussões envolvendo assinatura digital, mesmo existindo medida provisória que, desde 2001, já aceita documentos assinados digitalmente”, afirma o CEO.

Faturamento:
Não informado.

Previsão de break-even:
Julho 2018.

Visão de futuro:
“Pretendemos desenvolver um projeto sequenciado ao Santo Contrato para trabalhar com inteligência artificial e blockchain, desenvolver playbook de negociação e aumentar a base de prestação de serviço jurídico contratual de nossos facilitadores”, fala Marcelo.

Onde encontrar:
Site
Contato

 

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

Veja também: