SPONSORS:

Leila Andrade acredita que aprender é o melhor remédio – e seus mais de 200 alunos também

- 9 de junho de 2015
Cursos para terceira idade
Resgate da memória pessoal, direitos e deveres, aspectos psicossociais do envelhecimento e educação física estão entre os cursos gratuitos da Unabem

Mais do que oferecer cuidados médicos ou atividades típicas para a terceira idade, a professora Leila Andrade (em pé na foto) conseguiu despertar nova motivação em pessoas com mais 60 anos em sua cidade, Passos (MG).

Ao perceber que havia salas desocupadas à tarde na Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG, antiga Fundação de Ensino Superior de Passos), onde dava aulas, ela e mais duas colegas tiveram uma ideia em 2006: ocupar as cadeiras vazias com alunos que há muito tempo não entravam em sala de aula.

No ano que ingressam na Unabem (Universidade Aberta para a Maturidade), os idosos iniciam um curso de formação cultural, que aborda temas como resgate da memória pessoal, direitos e deveres, aspectos psicossociais do envelhecimento e educação física.

Após a conclusão, com direito a formatura e diploma, os alunos podem optar por outros cursos livres, como dança, canto, teatro e informática. Há turmas que nasceram com a Unabem e ainda estudam lá, gratuitamente.

Os atuais professores, alunos da UEMG, atuam em regime de estágio, o que resulta em uma rica troca de experiências. O trabalho de Leila hoje atende cerca de 200 alunos de mais de 60 anos duas vezes por semana e já colhe frutos. Em 2010, ela foi uma das vencedoras do Prêmio Acolher, que reconhece ações de transformação social promovidas por consultoras Natura.

“Com o apoio financeiro que recebemos adquirimos mobiliário, computadores e ventiladores. Mas a visibilidade e a credibilidade alcançadas depois do prêmio não têm preço”, diz Leila, que também foi umas das finalistas do Prêmio Claudia em 2014, na categoria Consultora Natura Inspiradora.

 

Já estão abertas as inscrições para a quarta edição do Prêmio Acolher. Saiba mais sobre o Movimento Natura e veja no site como ajudar um projeto social ou inscrever uma nova iniciativa.
 

3716 Total Views 2 Views Today
Veja também:

“Sabemos que roupa não é tudo, mas contribui para um sentimento de pertencimento e empoderamento”

- 10 de maio de 2019