SPONSORS:

Seleção Draft – Carisma se aprende

- 23 de agosto de 2018
Ninguém, por natureza, desperta sorrisos espontâneos (está bem, talvez bebês, gatos e cachorros). Os demais podem aprender a fazer isso.

Carisma se aprende
Quando uma pessoa considera ter zero carisma, mas assume o papel de líder, o que deve fazer? Foi nessa enrascada que se viu Daniel Ek, CEO do Spotify, segundo o Inc. Ele admite ser introvertido e que precisou mudar muitas coisas para se tornar mais cativante e “inspirador”. Entre elas: aceitar feedback sobre o que não era bom o suficiente, aprender a se fazer mais claro e mostrar sua vulnerabilidade. Não que ele tenha se sentido confortável com tudo isso, mas deve ter aprendido bastante, como destaca o texto (link acima):

“A liderança é algo que pode ser aprendido. Se você está disposto a se esforçar, provavelmente tem muito mais carisma do que imagina”

 

Revisão contínua
No e27 (link acima), dez empreendedores dão dicas do que é essencial um fundador incorporar ou revisar continuamente no planejamento de sua startup para mantê-la tinindo a longo prazo. Algumas delas:

1) Realizar testes dos seus produtos ou serviços frequentemente;
2) Atualizar sua lista de contatos importantes;
3) Estar a par das normas/leis locais;
4) Delegar (para que a empresa funcione normalmente sem a sua presença).

 

Expansão dos anjos
984 bilhões de reais: é este o montante aportado por investidores-anjos brasileiros em startups do país no ano passado. O dado, divulgado ontem, é de uma pesquisa da Anjos do Brasil e indica um aumento de 16% em relação ao valor desembolsado em 2016. Segundo o DCI, em nota, a entidade avaliou que a queda na taxa de juros e a Lei Complementar 155/2016 (que trouxe mais segurança jurídica para os investidores) colaboraram para a expansão. Ainda de acordo com o levantamento, hoje, o volume anual médio por investidor — o país possui 7 615 — é de 129 mil reais. Para entender mais sobre as fases de investimento em uma startup, veja o infográfico publicado pelo Draft esta semana.

 

Fórum Empreendedoras
O Fórum Empreendedoras, organizado pela Rede Mulher Empreendedora, entra em sua 7ª edição nos dias 20 e 21 de setembro. Desta vez, o tema será “Diversidade e Inclusão no Empreendedorismo” e contará com a presença de palestrantes como Regina Casé, Ana Paula Padrão e Luiza Helena Trajano, além de uma programação focada em capacitação, ferramentas e mentorias. No fórum, a RME também apresentará os resultados de sua 3ª pesquisa anual, a “Empreendedores e seus Negócios – 2018”, que busca traçar o perfil do empreendedor brasileiro. O Draft é Media Partner do evento e os leitores têm 15% de desconto nos ingressos — que custam 120 reais — ao acessar o link acima (aba promocional parceiros).

Veja também: