SPONSORS:

Seleção Draft – Menos malabarismos

- 18 de maio de 2018
Largue o osso: carregar o peso do papel de fundador e CEO pode reduzir em quase 10% a produtividade de sua empresa.
Largue o osso: carregar o peso do papel de fundador e CEO pode reduzir em quase 10% a produtividade de sua empresa.

Menos malabarismos
“Ser o fundador e o CEO de uma empresa pode parecer atrativo, até você perceber a diferença entre os dois papeis e a quantidade de trabalho demandada por cada um.” É isso que escreve Dave Shah, cofundador da desenvolvedora de apps Wve Lab, no Entrepreneur (link acima). Ele cita estudos das universidades de Harvard, Duke e Vanderbilt para mostrar que tentar fazer malabarismos para abraçar os dois cargos pode tornar o negócio quase 10% menos produtivo. O autor ainda aponta três motivos para o fundador largar o osso: não ser tão bom em operações mais práticas, se sobrecarregar desnecessariamente e começar a achar que sabe mais do que qualquer pessoa da empresa.

 

Moeda insustentável
A Bitcoin está consumindo cada vez mais energia. O Gizmodo cita um estudo publicado nesta semana pela revista científica Joule que indica que toda rede da moeda virtual poderá consumir 7,7 gigawatts de eletricidade até o final deste ano, representando 0,5% do uso de energia elétrica no mundo. Porém, o cenário futuro parece ainda mais caótico: a mineração de criptomoedas poderá um dia consumir mais de 5% da eletricidade global. O texto (link acima) também traz a opinião dos críticos dessa tese, que consideram a pesquisa um tanto exagerada, com suposições frágeis e de olho em como novas tecnologias podem alterar o status quo.

 

Aporte à vista
Vão até domingo (20) as inscrições, no link acima, para o processo seletivo da Eqseed, plataforma que conecta startups a investidores. A fintech está em busca de dez negócios (de qualquer setor, desde que com produto ou serviço pronto e tração em seu mercado) para participar de rodadas individuais de investimento e captar de 300 mil a 2 milhões de reais cada, no segundo semestre de 2018.

 

Hack’n Bike
Acontece entre os próximos dias 26 e 27, o Hack’n Bike, um hackathon que premiará as melhores soluções tecnológicas para a implantação da Lei Bike SP (projeto que gerará créditos para os ciclistas que trocarem o transporte público pela bicicleta). A ideia da maratona é que os participantes desenvolvam sistemas que permitam verificar as viagens, calcular os valores e remunerar os ciclistas. Os vencedores receberão, ao todo, 19 mil reais em prêmios. As inscrições podem ser feitas pelo link acima.

7407 Total Views 2 Views Today
Veja também: