SPONSORS:

Seleção Draft – Montanha russa empreendedora

- 16 de fevereiro de 2018
Aprenda a gerenciar os altos e baixos da jornada empreendedora com menos estresse (Imagem: Pixabay/Reprodução).
Aprenda a gerenciar os altos e baixos da jornada empreendedora com menos estresse (Imagem: Pixabay/Reprodução).

Montanha russa empreendedora
A jornada empreendedora é cheia de altos e baixos que podem afetar a saúde do fundador. No Entrepreneur (link acima), a especialista em liderança Amyk Hutche indica mecanismos para manter o controle desta montanha russa de emoções, em especial, quando o estresse toma conta da situação:

1) Sair de cena e fazer exercícios para liberar endorfina;
2) Encontrar uma “tribo” que viva os mesmos problemas para compartilhar experiências;
3) Traçar planos e revisá-los;
4) Listar à noite cinco ações produtivas (mesmo as pequenas) tomadas durante o dia.

 

Cuide da UX
Vinicius Brasil, desenvolvedor na fintech Ebanx, afirma que uma boa User Experience é essencial para a sobrevivência de um negócio e dá dicas de como melhorá-la. A primeira missão, diz ele no Hackernoon, é checar se o produto ou serviço é funcional (mais do que sofisticado ou com boa aparência). Em seguida, é preciso garantir que tenha agilidade (pois os usuários são impacientes) e seja acessível (funcionar bem para todo público-alvo, desde crianças a deficientes visuais e idosos). O autor também recomenda estar preparado para reverter os erros dos próprios usuários e causar impacto.

 

Oportunidades para investidores
No Blog do Empreendedor, Marcelo Nakagawa, professor de Inovação e Empreendedorismo do Insper, defende a entrada de grandes empresas no mundo das startups como uma boa oportunidade para investidores. Ele conta que isso era uma estratégia já conhecida na área da tecnologia, mas que agora se tornou uma prática comum também no setor financeiro, educacional, varejo, imobiliário, entre outros. Além de vantajosa para o investidor inicial, que tem a chance de monetizar seus investimentos, Marcelo aponta a estratégia como benéfica para a empresa (que ganha ao apostar em inovações já validadas) e para o empreendedor. Leia mais no link acima.

 

Teoria U
Começa no dia 6 de março um curso sobre Teoria U na Unibes Cultural, em São Paulo. Ao todo, serão seis encontros, sempre às terças-feiras, que têm o objetivo de ensinar a líderes autoconhecimento, competências de escuta profunda e práticas para criar inovações que gerem bem-estar individual e coletivo. O investimento é de 365 reais. Mais informações sobre as datas das aulas e forma de inscrição no link acima.

Veja também:

“Eu vivia esmagado pela culpa. As coisas só melhoraram quando finalmente entendi que devia seguir o que amo”

- 7 de setembro de 2018

“Viver bem é questão de sintonia, de ritmo, e de não pedir açúcar, mesmo que o café pareça amargo”

- 13 de julho de 2018
O designer gráfico Cris Duarte conta como, após os 40, conheceu sua esposa, reinventou sua carreira e se mudou para a França, onde atende clientes em uma cafeteria a três minutos de sua casa.

Verbete Draft: o que é Essencialismo

- 23 de maio de 2018
2788 4 0