SPONSORS:

Seleção Draft – O mapa das aceleradoras

- 10 de agosto de 2017
Saiba onde ficam os cerca de 40 programas de aceleração do país (Imagem: Pexels/Reprodução).

O mapa das aceleradoras
O site da revista PEGN (link acima) traz alguns dados das principais aceleradoras do Brasil. Segundo o levantamento, existem 40 aceleradoras em atividade no país, a maioria (71%) concentrada na região Sudeste, e elas têm preferência por projetos em fase comercial (já operando). Os mercados mais visados são o de tecnologia (83,9%), educação (77,4%) e serviços (67,7%) e o valor aportado por elas está entre 45 mil a 255 mil reais. O texto ainda destaca a tendência de programas corporativos dentro do ecossistema empreendedor.

 

Deu lucro. E agora?
Conseguir lucrar com sua startup é o sonho de qualquer empreendedor. No entanto, Josh Goldman, sócio do fundo de investimento Venture Partners, afirma que o trabalho duro não para por aí. No Entrepreneur, ele cita alguns desafios e adequações importantes quando os negócios chegam a esse patamar. Entre eles, avaliar a necessidade de continuar a buscar fundos e decidir como alocar o lucro. Josh também recomenda que o empreendedor não se iluda com a aparente tranquilidade. E indica cautela na hora de tomar decisões, como contratar mais funcionários ou assinar novos contratos. Leia mais no link acima.

 

Como trazer os melhores
Formar uma equipe talentosa e que esteja em sintonia com os valores da startup não é tão simples assim. Para ajudar nesta tarefa, o Antihill Online traz quatro dicas para o fundador conseguir convencer profissionais de destaque a embarcarem em seu projeto:

1) Aproveite a entrevista com o candidato para fazer um pitch sedutor de seu negócio;
2) Garanta a chance do novo colaborador “deixar uma marca” com o seu trabalho;
3) Ofereça benefícios econômicos, como uma porcentagem da empresa;
4) Mostre o potencial da startup através de metas realistas para os próximos anos.

 

Smart City Talks
Acontece no próximo dia 16, em São Paulo, um evento para discutir mobilidade urbana. Na primeira edição do Smart City Talks, especialistas vão discutir os desafios de planejamento urbano, o uso inteligente dos recursos e a aplicação de inovações como forma de facilitar o cotidiano das pessoas. O encontro também vai abordar a contribuição das startups de mobilidade na melhoria de problemas e como os governos podem se beneficiar das soluções criadas por elas. A inscrição é grátis e pode ser feita no link acima.

Veja também:

Como é andar de patinete elétrica, a nova “moda” urbana, em São Paulo

- 25 de setembro de 2018
7114 8 0

Quais são as fases de investimento em uma startup no Brasil e quem são os principais agentes desse processo

- 21 de agosto de 2018

De olho nos “novos motoristas” de aplicativos, o StopClub lança uma rede de serviços no Rio

- 25 de junho de 2018