SPONSORS:

Seleção Draft – O poder delas

- 7 de novembro de 2018
Clima político e melhor nível educacional elevaram o número de mulheres negras e latinas à frente de negócios, nos EUA.

O poder delas
O rosto do empreendedorismo feminino está se tornando menos branco, pelo menos nos Estados Unidos. Fundadoras pertencentes a minorias étnicas (negras e latinas) controlam, hoje, 44% das empresas comandadas por mulheres, no país. Em 1997, eram 20%. Aqui no Brasil, temos exemplos como o de Janine Rodrigues, da Piraporiando, e de Adriana Barbosa, da Feira Preta, mas poderia haver mais. Um texto publicado no Inc. (link acima) discute o que está por trás do crescimento nos índices americanos, como o progresso educacional e a necessidade econômica. Entretanto, ainda permanece um imenso obstáculo para elas: o acesso ao capital. De acordo com levantamento da PitchBook, apenas 2% de todos os fundos de VC vão para esse tipo de negócio. Falta muito para mudar esse cenário…

 

Não se perca ao gerenciar dados
O Readwrite ressalta que apesar de empresas reconhecerem a importância do armazenamento de dados, a maioria admite que sua infraestrutura de backup não é ideal. Com a popularização do uso de machine learning e algoritmos de inteligência artificial — que usam informações arquivadas — esse problema tende a piorar. Para traçar uma boa estratégia de armazenamento de dados, o texto sugere considerar, além do tipo, natureza, volume e velocidade, como e com que frequência os dados coletados serão acessados. Outra dica é pesar na balança como os dados serão protegidos (salvos em backup e recuperados) e, só então, definir se haverá infraestrutura local, na nuvem ou híbrida. Leia mais no link acima.

 

Quem gosta de você
Pesquisas mostram que líderes considerados mais “agradáveis” superam em performance aqueles que não são vistos dessa forma. No link acima, da Time, dez CEOs compartilham um passo a passo para ser mais amável, se conectar com os outros e conseguir o que se deseja. Entre as recomendações:

1) Seja interessado, não interessante (quer dizer, ouça mais e fale menos);
2) Compartilhe sua sabedoria, independente do que você receberá em troca;
3) Gere confiança sendo vulnerável. Abra-se, compartilhe histórias pessoais e valores;
4) Fique atento à linguagem corporal e ao que você comunica inconscientemente.

 

FT18
Acontece nos próximos dias 24 e 25, em Porto Alegre, a 2ª edição do Festival da Transformação FT18, que reúne e organiza iniciativas e conteúdos atuais do ecossistema empreendedor. Serão mais de 450 atividades simultâneas, como workshops, experiências e shows, espalhados pelos campus B e C da ESPM/Sul, Unisinos, ADVB/RS e PUCRS. Entre os palestrantes confirmados estão o filósofo britânico Barry Smith, o professor e consultor Dado Schneider e Adriano Silva, publisher do Draft, que é Media Partner do festival. Os ingressos para os dois dias custam 220 reais e podem ser adquirido pelo link acima.

Veja também:

Verbete Draft: o que é Thinking Environment

- 31 de outubro de 2018
3846 0 0