SPONSORS:

Seleção Draft – O que aprender com Harvard

- 14 de abril de 2016
Estar aberto para opiniões e caminhos diferentes é lema do centro de inovação. (Imagem: Reprodução)

O que Harvard ensina sobre inovação
O Harvard Innovation Lab é um dos centros de inovação mais importantes do mundo. Por lá, Jodi Goldstein é uma figura estratégica, com 20 anos de experiência em empreendedorismo. Com a ajuda dela, a Fast Company listou algumas lições essenciais para quem quer criar projetos diferentes:

1) Seja uma esponja e absorva tudo o que pode ajudar na sua ideia;
2) Não tente ser gigante logo de cara, foque em um segmento e cresça depois;
3) Ter concorrentes é uma coisa boa, então aproveite a motivação;
4) Ideias são ótimas, mas execução é o que importa;
5) Conviva com pessoas diferentes de você, com outras perspectivas e experiências;
6) Aceite quer ser criativo é falhar várias vezes para aprender;
7) Conheça histórias reais e lembre que o sucesso não é da noite para o dia.

 

Trabalhar para si não é ter liberdade
Especialista em derrubar mitos sobre a vida de empreendedor, Jon Westenberg diz, em seu texto no Medium, que fundar uma startup não significa ter uma vida mais flexível. Além da equação que leva em conta seu tempo de trabalho e renda ser diferente de um emprego comum, ser o seu próprio chefe não é tão libertador quanto parece. Você pode se cobrar demais ou ser muito desencanado. No fim, ele conclui que o que faz o esforço valer a pena é sentir que tudo foi feito nos seus termos.

 

Tendências entre startups
Neil Patel diz na Inc. que o empreendedorismo tem passado por uma fase de transformações interessantes neste ano. O intraempreendedorismo, por exemplo, tem ficado mais comum dentro de grandes empresas, e há mais pessoas tocando negócios sozinhas, de um jeito minimalista. O autor diz que profissionais de marketing também têm se aventurado e usado seu conhecimento de como fazer um negócio crescer. Leia mais no link acima.

 

Desaprender na UnCollege
O programa “desescolarizante” do UnCollege Brasil é um convite para quem romper com o modelo tradicional de aprendizado. Liderado por Alex Bretas, Camila Haddad e Luísa Módena, o curso vai acontecer em São Paulo, a partir do dia 26. A proposta é que, durante 16 semanas, os alunos sigam trilhas pessoais e coletivas e promover uma troca de conhecimentos. O investimento é de 4 500 reais e as inscrições estão abertas pelo link acima.

2469 Total Views 1 Views Today
Veja também: