SPONSORS:

Seleção Draft – Procrastinação explicada

- 29 de agosto de 2018
Adiar é uma capacidade humana que aumenta proporcionalmente ao prazo estabelecido para a realização da tarefa.

Procrastinação explicada
Para muitas pessoas ter um prazo mais longo para cumprir uma tarefa pode parecer reconfortante, mas na Harvard Bussines Review, um estudo mostra que quanto mais tempo se tem para realizar uma atividade, mais se tende a postergá-la. Pode parecer meio óbvio (afinal, quem nunca fez isso), mas para piorar, a pesquisa ainda mostra que, um deadline maior pode levar o responsável a abandonar sua missão. O texto sugere que líderes devem olhar prazos de uma forma mais compreensiva, dependendo da urgência e da complexidade da tarefa. Leia mais no link acima.

 

Mais ganhos que riscos 
“Uma startup roubada é uma startup sem feedback.” É o que diz o conselheiro Hillel Fuld, no link acima do Inc. ao destacar a importância de empreendedores compartilharem suas ideias de negócio em vez de guardá-las a sete chaves. Como motivo para confiar e apostar nos ouvidos alheios, ele aponta: obter feedback (entendendo, inclusive, se o que propõe é realista), construir uma comunidade (quem sabe, aquele seu amigo que ouviu a ideia não se torna um sócio do projeto?) e preparar-se para o lançamento (com perguntas tão ou mais afiadas do que as que farão os possíveis investidores, parceiros e a mídia).

 

Adeus, dinâmica
O Estadão fala sobre como as HRtechs (startups de recrutamento) estão mudando os processos seletivos, com maior foco no candidato, análise de comportamento e uso de inteligência artificial. Segundo um estudo da Liga Venture, hoje, há no Brasil 120 negócios do tipo, mas a tendência, de acordo com Raphael Augusto, consultor da aceleradora, é que esse número cresça, pois com o atual panorama de desemprego, no futuro, será necessário realocar bons candidatos em boas vagas: “Isso abre espaço para quem tem soluções inovadoras e ágeis”, diz. Entre as pioneiras do setor, o texto (link acima) cita a Revelo, a Kenoby e a Biz.u.

 

Empreender é político
A Startup Farm realiza, no dia 10 de setembro, no Google Campus, em São Paulo, um evento para debater como as propostas dos candidatos à presidência na área de economia, empreendedorismo e tecnologia podem impactar as startups nos próximos anos. O “Empreender é político” contará com um painel com a presença de Leo Branco, jornalista de Economia da Exame, e Gabriel Araújo, analista de investimentos da aceleradora. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo link acima.

Veja também:

Verbete Draft: o que é Thinking Environment

- 31 de outubro de 2018
3861 0 0