SPONSORS:

Seleção Draft – Use Menos chapéus

- 25 de maio de 2018
Não queira vestir todos os "chapéus" de sua empresa. Você pode parecer fora de moda.
Não queira vestir todos os "chapéus" de sua empresa. Você pode parecer fora de moda.

Use menos chapéus
No começo de uma startup é comum um fundador ter que “vestir vários chapéus”, assumindo diferentes funções para fazer o negócio decolar. “Mas você já pensou que esse look pode não te cair tão bem?” É o que diz, em tom de brincadeira, a consultora Ruth Henderson no Medium. Ela aconselha empreendedores a largarem mão daqueles “chapéus” que não lhe servem e dá três dicas para isso: analisar processos relacionados à sua empresa e aprimorá-los, terceirizar atividades que tiram o tempo necessário para o desenvolvimento do negócio em si e, por fim — e provavelmente o mais difícil — contratar especialistas para lidar com assunto dos quais você não tem conhecimento. Leia mais no link acima.

 

Quando ter uma causa
No link acima da Forbes, Sara Haslem Davis, diretora-executiva de estratégias da Osmond Marketing, questiona a validade do marketing de causa, ou seja, o envolvimento de uma marca com uma iniciativa de impacto positivo. Apesar de ser a favor da estratégia, ela aponta seus prós e contras. Como um dos pontos positivos, cita a maior adesão dos consumidores (70% acreditam que as organizações têm obrigação de ajudar uma causa). Já como um ponto negativo, destaca a questão do alinhamento de propostas. Ela menciona o caso malsucedido do KFC, que se engajou em uma campanha contra o câncer de mama (vendendo um produto que aumenta a obesidade e, consequentemente, os riscos desta doença). Para não cair nessa cilada, existem inclusive empresas que auxiliam marcas a se conectarem com bandeiras autênticas como a Cause e a Design de Causas (leia sobre elas aqui).

 

Afro Hub
Acontece no próximo dia 30 o lançamento do Afro Hub, programa de pré-aceleração técnica e networking direcionado a empreendedores negros, encabeçado pelo instituto Feira Preta, Afro Business e Diaspora.Black, com apoio do Facebook. O programa contará com treinamento e mentoria para dez empreendedores sobre o uso de ferramentas avançadas do Facebook e do Instagram, eventos gratuitos para a realização de networking e workshops em diversas capitais, entre elas Salvador, Rio de Janeiro e São Luís. As inscrições para o evento são gratuitas e podem ser feitas pelo link acima.

 

EDP Starter Brasil
E um dia depois (31) chega ao fim o prazo para se inscrever no EDP Starter Brasil, programa de aceleração voltado a negócios com soluções para o setor de energia. As startups receberão consultoria especializada em inovação, mentoria de executivos da EDP e de especialistas do mercado e espaço de coworking, além de um aporte total de até 10 milhões de reais. Mais informações no link acima.

Veja também:

Verbete Draft: o que é Thinking Environment

- 31 de outubro de 2018
3860 0 0