The Venture: tudo sobre a aula de empreendedorismo de Chivas e Perestroika no Google Campus

- 27 de outubro de 2016
Bate-papo entre mentores: Gustavo, Fabio, Cassio e Bia falaram a um público jovem e entusiasmado (foto: Carolina Krieger)
Bate-papo entre mentores: Gustavo, Fabio, Cassio e Bia falaram a um público jovem e entusiasmado (foto: Carolina Krieger)

 

Um encontro especialíssimo (e concorridíssimo) abriu a última semana de inscrições para a etapa brasileira da terceira edição do The Venture. Na noite da segunda-feira, 24, um público majoritariamente jovem e entusiasmado lotou o auditório do Google Campus São Paulo para conferir o debate entre os mentores e as palestras de dois dos vencedores do maior campeonato de empreendedorismo social do planeta.

Com transmissão ao vivo pelo Facebook, o evento foi promovido por Chivas Regal e pela Perestroika. Na abertura, Mariah Polati, diretora da escola de cursos criativos, mencionou a grande procura pelos ingressos e lamentou que muita gente tenha ficado de fora: “Só pela Perestroika, foram quase quatrocentas pessoas querendo participar!” Diretora de marketing de Pernod Ricard, dona da marca Chivas, Flavia Molina falou em seguida. Ela ressaltou que o tema empreendedorismo faz parte da história do uísque desde sua origem, no século 19, e destacou a força do The Venture: “Para nós, é a prova de que quando a gente se junta por um propósito, podemos fazer algo impactante.”

Lucas Foster, fundador da ProjectHub e um dos mentores do The Venture, atuou como mestre de cerimônias informal, apresentando os convidados e mediando a conversa entre os colegas: Bia Granja, co-fundadora e curadora da YouPix, plataforma voltada ao fomento do conteúdo digital; Cassio Spina, sócio da consultoria Altivia Ventures e fundador-presidente da Anjos do Brasil, entidade que promove o investimento-anjo no país; Fabio Seixas, criador de O Panda Criativo e co-fundador do Festival Path; e Gustavo Caetano, fundador e CEO da Samba Tech, que vende plataformas para distribuição digital de vídeos, e um dos idealizadores da Associação Brasileira de Startups (ABStartups).

Bia exaltou o poder de inclusão da internet, “que amplifica mensagens, dá voz e conecta as pessoas”, e a importância da formalização (“resiliência para conseguir um CNPJ é um requisito básico”). Cassio disse que superou a timidez em prol do networking e deu a dimensão da urgência do empreendedorismo social: ”Só com filantropia não vamos resolver os problemas do mundo.” Fabio falou sobre as conexões promovidas durante o Festival Path, como o reencontro entre o designer Marcelo Rosenbaum e o empreendedor Guilherme Brammer, da WiseWaste, que se juntaram para produzir uma cadeira sustentável. Por sua vez, Gustavo destacou a necessidade de se olhar para o tamanho do mercado: “Não se apaixone pelo produto, porque ele é o que muda mais. Pense no problema e depois na solução.”

Na sequência, Onício Leal subiu ao palco. O biomédico e empreendedor pernambucano está à frente da Epitrack, que desenvolve plataformas de crowdsourcing para monitoramento de epidemias. Ele falou sobre a origem da empresa, a vitória na etapa brasileira do The Venture e a participação na etapa global da competição. “O The Venture mudou minha vida pessoal e enquanto empreendedor”, disse Onício. “Participar faz uma diferença gigantesca, ainda mais para empreendedores sem background em administração, como eu. Situações como a Semana de Aceleração em Oxford te levam para outro patamar de conhecimento de uma maneira muito rápida.”

O último convidado da noite foi o colombiano Oscar Mendez, da Conceptos Plásticos, que transforma resíduos de plástico e borracha em matéria-prima para blocos de encaixe que dão forma a moradias, abrigos e salas de aulas, atacando simultaneamente um problema ambiental e outro social. Em julho, a empresa conquistou o The Venture, amealhando US$ 300 mil na final em Nova York. No Google Campus São Paulo, Mendez contou sua trajetória de empreendedor, detalhou o impacto gerado pela Conceptos Plásticos e foi taxativo: “Nosotros estamos listos para cambiar el mundo” (estamos prontos para mudar o mundo).

E você? Está pronto para mudar o mundo? Então fique ligado: as inscrições para a etapa brasileira do The Venture terminam em 30 de outubro. Inscreva-se aqui e participe!

Footer_990x220_Chivas

Veja também:

“Investidor-anjo ajuda, mas não é santo nem faz milagre”

- 3 de janeiro de 2017
Cassio Spina, da Anjos do Brasil, é um dos disseminadores dessa maneira de fomentar negócios no país e fala das vantagens e riscos, tanto para o empreendedor como para o investidor.